O TOP 10 dos melhores e piores aeroportos do mundo

O TOP 10 dos melhores e piores aeroportos do mundo

A turma do The Guide to Sleeping in Airports, que começou como uma página de mochileiros que trocavam informações sobre como dormir de graça nos aeroportos para economizar uma noite de hotel e acabou se tornando uma das mais completas e divertidas fontes de informação sobre os terminais, fechou a lista dos 10 melhores e os 10 piores aeroportos do mundo. Foram levados em conta quesitos como conforto das instalações,  existência de áreas de descanso e assentos suficientes, manutenção, gentileza e qualidade do serviço da equipe de imigração e de segurança, a atenção ao cliente e a limpeza dos banheiros. Veja abaixo a relação dos eleitos:

Os 10  piores aeroportos do mundo

1. Aeroporto Internacional Rei Abdulaziz, Jeddah (Arábia Saudita)

“Quase não possui áreas de descanso e restaurantes, a higiene do complexo deixa muito a desejar no geral e seus oficiais de imigração são geralmente descritos como arrogantes e mal-educados”

2. Aeroporto Internacional de Juba (Sudão do Sul)

“o aeroporto de Juba se assemelha mais a uma sauna com escassos serviços – onde os banheiros costumam estar quebrados a maior parte do tempo – do que a um terminal internacional”

3. Aeroporto Internacional de Port Harcourt (Nigéria)

“Banheiros com escassa limpeza, despacho de bagagens sem esteira e acusações de práticas próximas à corrupção em seus oficiais fazem desse lugar em um dos mais indesejáveis destinos de viagem”

4. Aeroporto Internacional de Tashkent (Uzbequistão)

“é considerado o pior aeroporto da Ásia. As queixas dos usuários são principalmente sobre a quantidade de controles de segurança que acabam com a paciência do mais santo”

5. Aeroporto Nacional de Santorini – Thira (Grécia)

“no aeroporto de Santorini, as instalações são ridiculamente pequenas e é preciso esperar em filas no sol para despachar a bagagem. Do lado de dentro as salas de espera não tem ar condicionado”

6. Aeroporto Internacional de Chania (Grécia)

“Outro aeroporto grego com escassos serviços e sem ar condicionado. Na alta temporada é comum ver as pessoas sentadas no chão pois não possui cadeiras suficientes para atender a demanda”

7. Aeroporto Internacional de Heraklión Nikos Kazantzakis (Grécia)

“Preços estratosféricos, assentos incômodos nas salas de espera, equipe de serviço pouco amável e falta de higiene nos serviços transformam esse aeroporto em um pesadelo”

8. Aeroporto Internacional de Maiquetía Simón Bolívar (Venezuela)

“Os usuários habituais recomendam prever pelo menos cinco horas em uma escala por conta do mau funcionamento dos serviços logísticos responsáveis por bagagens e conexões”

9. Aeroporto de Londres-Luton (Inglaterra)

“Além do tamanho exíguo, tudo pode ser cobrado: excesso de bagagem, dropp-offs na pista, até mesmo as bolsas de plástico necessárias para os líquidos de menos de 100 ml têm um preço”

10. Aeroporto Internacional de Katmandu (Nepal)

“A área de voos internacionais não é de todo ruim. Mas a de voos nacionais, mais do que um terminal parece uma bagunçada estação de ônibus de cidade pequena”

 

E os 10 melhores aeroportos

1. Aeroporto Internacional de Changi (Cingapura)

“conta com cinco jardins, poltronas de massagem, televisores, videogames e até um cinema gratuito. E o que dizer da limpeza e da organização dos terminais? Parecem sair de um conto de fadas”

2. Aeroporto Internacional de Incheon (Coreia do Sul)

“além de um grande centro comercial, jardins, cinemas e visitas guiadas pelas instalações. As pessoas que chegam cansadas do voo podem até contar com uma relaxante ducha grátis”

3. Aeroporto Internacional de Haneda – Tóquio (Japão)

“É avaliado de maneira muito positiva sua limpeza e segurança, bem como o tratamento amabilíssimo de seu pessoal. Um aeroporto que reflete a cultura de um país: amável, limpo e em ordem”

4. Aeroporto Internacional de Taoyuan, Taipei (Taiwan)

“Cada portão é ambientado com um tema diferente: desde o meio-ambiente até produtos da Sony, passando por produtos da Hello Kitty. Oferece aulas de caligrafia e degustações da comida local”

5. Aeroporto Internacional de Munique-Franz Josef Strauss (Alemanha)

“Pequenos detalhes, como o café grátis de manhã e a boa qualidade da comida oferecida nos restaurantes, somam pontos a mais que a média europeia. Tem espaços para crianças”

6. Aeroporto Internacional de Kansai, Osaka (Japão)

“onta com bancos largos (esqueça aqueles horríveis, divididos por barras metálicas), espaço reservado para guardar bagagem e até um serviço gratuito de empréstimo de mantas”

7. Aeroporto Internacional de Vancouver (Canadá)

“O complexo é cuidadosamente decorado com múltiplas obras de arte, e as conexões para ir ao centro da cidade funcionam como um relógio”

8. Aeroporto de Helsinque-Vantaa (Finlândia)

“Um dos tesouros mais apreciados do complexo são suas cápsulas de sono, complementadas pela grande quantidade de tomadas disponíveis ao longo dos terminais”

9. Aeroporto de Tallin (Estônia)

“Sua simplicidade, conforto e tranquilidade o tornam um dos com melhor classificação”

10. Aeroporto Internacional de Zurique (Suíça)

“As instalações permanecem imaculadas, e a sinalização é tão bem desenhada que nem querendo é possível se perder. Mas os preços são altos”

 

Para mais informações ou se você quiser colaborar com o próximo ranking, clique aqui.

 

Comentários

Deixe seu comentário

Related Posts

No Comments

Leave a Comment

Your email address will not be published.